Croácia: Roteiro de 8 dias, transportes, onde se hospedar e muito mais!

Hvar Croácia

Croácia

Até alguns anos atrás não se falava muito em ir para a Croácia, mas o país esta se tornando um destino cada vez mais popular e já virou queridinho dos brasileiros. Apesar de estar conhecido principalmente pelas festas que acontecem no verão, o país oferece muito mais do que isso e tem destinos incríveis para todos os gostos.

Estive na Croácia em julho de 2016 por 8 dias e me apaixonei pelo país, é um dos mais incríveis que já visitei e já se tornou um dos meus favoritos. Depois que descobri a quantidade de lugares sensacionais que o país oferece chega a ser difícil imaginar como até algum tempo atrás era um país que quase ninguém pensava em ir. Agora esta se tornando tão popular, que tinha brasileiros para todo lado em Hvar quando estive lá.

Dubrovnik Croácia

Com o aumento de turistas os preços também estão subindo cada vez mais, principalmente no verão, e o país já não é mais considerado um destino tão barato como antes. Então se estiver planejando uma viagem para lá o melhor é reservar tudo o quanto antes para evitar ter que pagar muito caro. Nesse post coloquei as informações gerais necessárias para planejar uma viagem para lá e depois irei falar mais detalhadamente em outros posts sobre o planejamento e as atrações de cada cidade.

Moeda Oficial: A moeda oficial é a Kuna. É bem difícil comprar a moeda aqui no Brasil, provavelmente você terá que trocar por Euros e depois por Kunas quando estiver na Europa. Cotação aproximada atualizada julho 2017:  HRK 1= R$0,50
Língua oficial: Croata
Capital: Zagreb
Visto: Brasileiros não precisam de visto para ficar até 90 dias na Croácia
Imigração: Foi bem tranquila, só perguntaram quantos dias iríamos ficar no país
Destinos para combinar na mesma viagem: Montenegro e Bósnia
Durante uma viagem para a Croácia é possível fazer um bate e volta de 1 dia para esses países com facilidade e fiquei com muita vontade de conhecer, porém não tive tempo no meu roteiro, então acabei deixando para uma próxima oportunidade.
Melhor época para visitar a Croácia: Acho que depende dos objetivos de viagem de cada um, na minha opinião a melhor época é o verão, principalmente julho e agosto. Eu escolhi essa época porque queria pegar o auge das festas e do calor, para aproveitar as praias. Porém, também é a época mais cara. Então se o seu foco for diferente talvez seja melhor escolher uma época menos movimentada e mais barata.
Quanto tempo ficar na Croácia: Depende do que você pretende visitar, eu recomendaria ficar no mínimo uma semana porque tem muitas atrações incríveis lá, mas o ideal acho que seria uns 15 dias ou mais.

Roteiro de festas no verão europeu
O país ficou  muito conhecido nos últimos anos como destino ideal para festas no verão europeu, principalmente a ilha de Hvar, que junto com Ibiza e Mykonos são os destinos mais populares. Encontrei muitos viajantes fazendo roteiros que incluíam todos esses lugares na mesma viagem e era minha ideia inicial em uma viagem que fiz com a Ana em agosto de 2014 focada em festas pela Europa. Porém, por mais que Croácia e Grécia sejam países próximos não conseguimos encontrar alternativas baratas para ir de um país para outro na época. Como ir para a Grécia era um dos meus sonhos acabando deixando a Croácia e Ibiza para uma próxima viagem. Então em julho de 2016 fiz um roteiro de 16 dias focado em festas passando por esses lugares com o meu namorado.

Roteiro de 8 dias na Croácia

Foi bem difícil definir um roteiro pela Croácia, porque definitivamente 8 dias não é suficiente para ver as principais atrações desse país incrível. O melhor seria ter ficado uns 15 dias ou mais lá, mas como eu também queria conhecer a Espanha na mesma viagem acabei optando por ficar 8 dias em cada país, mesmo sabendo que depois iria me arrepender. Da uma tristeza passar por tanto lugar lindo e não poder ficar tempo suficiente para aproveitar com calma, então tentei limitar o máximo possível o número de cidades, para não fazer muito correria.

Tem muito lugar sensacional lá que não consegui conhecer por falta de tempo, por isso com certeza pretendo voltar um dia, talvez em um roteiro só pela Croácia quem sabe. Depois de muito pesquisar decidi conhecer a Novalja, o Parque Nacional dos Lagos de Plitvice, Hvar, Bol e Dubrovnik e acabei passando algumas horas em Zadar e Split durante os trajetos entre cidades. Todos os trajetos foram feitos de ônibus e ferry e meu roteiro ficou assim:

Dia 1- Novalja
Dia 2- Novalja
Dia 3-Parque Nacional dos Lagos de Plitvice – Algumas horas em Zadar- Noite em Split
Dia 4- Hvar
Dia 5- Hvar
Dia 6- Hvar-Bol
Dia 7- Hvar
Dia 8- Dubrovnik

Roteiro de 8 dias Croácia mapa

Parque Nacional dos Lagos de Plitvice

Plitvice lakes

O Parque Nacional dos Lagos de Plitvice é uma das principais atrações turísticas da Croácia e foi declarado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. O parque é gigante e apresenta muitas paisagens incríveis, além disso a cor da água é surreal, tanto muita gente diz que parece um lugar saído do filme Avatar. Acho que é um lugar imperdível para incluir em qualquer roteiro pela Croácia.

Plitvice lakes

Plitvice lakes

Plitvice lakes

Dubrovinik

Dubrovnik Croácia

Dubrovnik é uma das cidades mais populares da Croácia e recebe muitos turistas todos os anos. A principal atração é o centro histórico conhecido como Old Town, cidade medieval amuralhada que é absolutamente incrível e foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco. É possível percorrer subir na muralha e percorrer todo o caminho ao redor da cidade, a vista tanto da cidade como do mar Adriático durante o passeio é sensacional!

Dubrovnik Croácia

Dubrovnik Croácia

Uma das atrações mais populares é o Cable Car, uma espécie de bondinho que sobe até um dos pontos mais altos, dando a vista completa da Old Town, imperdível! Mesmo para quem morre de medo de altura que nem eu haha

Dubrovnik Croácia

A cidade se tornou mais famosa  ainda depois de ter sido cenário da série Game of Thrones, mas na verdade também foi cenário de um dos filmes da saga Star Wars e isso eu só descobri quando já estava lá. Na Old Town existem muuuitas lojas com souvenir tanto da série como do filme e cartazes orgulhosos sobre a cidade ter sido cenário de ambos. Também é possível tirar uma foto em uma réplica do trono na loja oficial da série GOT.

Dubrovnik Game of Thrones

A partir da cidade é possível fazer vários passeios bate e volta para outras ilhas próximas e também para os países Montenegro e Bósnia. Só não fiz porque realmente não tive tempo no meu roteiro, mas pretendo incluir em uma próxima viagem!

Hvar

Hvar Croácia

Hvar é uma ilha que esta ficando cada vez mais famosa, principalmente pelas festas, muitos inclusive já estão chamando a ilha de “A nova Ibiza” e até o príncipe Harry já foi em umas festinhas lá! Mas mesmo para quem não gosta de festas, a ilha oferece várias outras atrações e vale a pena conhecer. Esse destino também esta cada vez mais popular entre os brasileiros, que estão por toda parte lá, em alguns momentos chega até a ser um pouco irritante na verdade haha.

Hvar Croácia

Subindo na Fortaleza de Hvar é possível ter uma vista panorâmica de Hvar e das várias ilhas próximas.

Hvar Croácia

Uma das coisas mais legais é alugar um barco por 1 dia para visitar algumas das várias ilhas próximas, não precisa ter nenhuma experiência. Na verdade não pedem nem o documento, apenas dão uns 10 minutos de treinamento e tchau! Além disso, é muito barato, alugamos um barco entre 5 pessoas e saiu HKR 500 no total, em torno de R$50,00 por pessoa na época.

Hvar Croácia

Bol

Bol Croácia

Bol é uma ilha conhecida principalmente pelo formato peculiar da praia Zlatni Rat. É possível conhecer a ilha através de um bate e volta saindo de Hvar ou se hospedar lá. Nós fizemos o bate e volta e achamos meio corrido, mas como a ilha não oferece outras atrações fora a praia acho que não vale muito a pena se hospedar lá para quem esta com pouco tempo no roteiro. Com as fotos que eu tirei não da para ver muito bem porque tanta gente acha a praia impressionante, mas jogue no google imagens o nome da praia e você irá entender! A praia vista de cima parece ser realmente incrível, mas não tivemos tempo para alugar um veículo para ir até um dos pontos mais altos e nem fizemos o passeio de parasil, que pelas fotos que vi na internet parecem proporcionar uma vista sensacional.

Bol Croácia

Novalja

Novalja Croácia

Novalja ainda é destino pouco conhecido, eu mal sabia que existia até uns meses antes da viagem e não foi muito fácil encontrar informações sobre lá. O principal motivo para visitar a cidade é a praia Zrce Beach, local de muitas festas dia e noite. Nessa praia existem vários beach clubs que funcionam durante o dia com festas gratuitas geralmente. A noite tivemos que pagar uma entrada que dava acessos a todos os beach clubs e as festas vão até de manhã. Em maio acontece o Spring Break lá e no verão acontecem diversos festivais de musica com DJs famosos.

Novalja Croácia

Ibiza, Mykonos e Hvar que me desculpem, mas Novalja é um destino muuuito mais divertido para festas no verão europeu. Além disso tudo também é muito mais barato, pois as festas são praticamente de graça a maior parte do tempo quando não tem nenhum evento acontecendo e as bebidas tem preços mais aceitáveis. O único lugar de festas que gostei tanto quanto a Novalja na Europa foi a ilha IOS, na Grécia, que também é um lugar pouco conhecido ainda, com preços muito mais baixos e festas muito mais divertidas que os destinos mais consagrados.

Novalja Croácia

Fora as festas que acontecem nessa praia a cidade não tem muitas outras atrações turísticas, mas tem um centrinho bem charmoso e pôr do sol bonito também, adoramos! Se fosse estiver procurando festas esse é o lugar certo, se não estiver acho que não vale muito a pena incluir no roteiro.

Zadar

Zadar Croácia

Infelizmente só pude ficar algumas horas em Zadar, a cidade é conhecida principalmente pelo Órgão do Mar (Sea Organ) e pela Saudação ao Sol (Greeting to the Sun), ambos são obras criadas pelo arquiteto Nikola Basic. No dia que estive lá nem pretendia conhecer muita coisa fora isso devido a falta de tempo, mas acabamos conseguindo ir no centro e vimos um pouco das ruínas do Fórum Romano e a igreja de São Donato, que também são sensacionais. Inclusive estava passando o filme The Kid, de Charlie Chaplin em um telão nessa região a noite, que estava muito lotada e com um clima muito bom. Nas poucas horas que estive lá me apaixonei pela cidade e já fiquei louca para voltar com um pouco mais de tempo!

Zadar Croácia

O Órgão do mar é instrumento musical instalado numa escadaria de mármore branco que desce até água na orla em Zadar e é tocado com o movimento das ondas do mar e pelo vento, para quem tiver curiosidade é possível encontrar vários vídeos no youtube. A atração fica completamente lotada no final da tarde no verão, pois é  o local preferido dos visitantes para assistir o pôr do sol de Zadar, que é lindo e segundo Alfred Hitchcock é um dos mais bonitos do mundo.

Zadar Croácia

Ao lado do Órgão do Mar fica o Saudação ao Sol, que são placas de vidro com células solares dispostas em formato de círculo, que absorvem a energia solar ao longo do dia e se acendem quando começa a anoitecer. Também fica absolutamente lotado no verão e chega a ser difícil conseguir uma foto decente de lá, principalmente no pôr do sol.

Split

Split Croácia

Split é uma cidade que também oferece muita coisa legal e vale a pena conhecer, apenas não tive tempo de incluir no meu roteiro porque evitar uma correria absurda e acabei priorizando outros lugares. Passei apenas um noite e algumas horas na cidade porque era no caminho entre Novalja e Hvar, então não consegui conhecer quase nada, mas dei uma voltinha no centro histórico antes de pegar a ferry para Hvar e adorei!  Para quem estiver indo no verão, a cidade oferece muitas festas e lá acontece um dos principais festivais de música eletrônica, o Ultra Music Festival. Ir nesse festival era um dos meus principais objetivos indo para a Croácia, mas durante o planejamento vi que não ia dar certo com as minhas datas e tive que cortar. O festival aconteceria nos meus últimos dias de viagem e ia ficar muito corrido conseguir voltar de lá  para Espanha a tempo, pois teria que mudar totalmente meu roteiro e provavelmente deixar de visitar Dubrovnik.

Split Croácia

Planejamento da viagem

Como chegar na Croácia?

É difícil encontrar voos baratos saindo do Brasil com destino final Croácia, eu nunca vi nenhum na verdade. Então se você também não conseguir encontrar, vale mais a pena comprar passagem do Brasil para outro destino da Europa e de lá ir para a Croácia. Um dos destinos que vi passagens baratas para Croácia com mais frequência foi Itália.

Passagem Brasil – Europa: A partir de R$ 2.000,00 geralmente
Companhias que já voei para Europa: KLM , LATAM e Alitalia
Outra boa opção é a TAP que opera voos saindo direto de Porto Alegre para Europa.

Zadar Croácia

Como eu já conhecia a Itália e na viagem iria para Espanha também, comprei ida e volta por Barcelona. Depois de 8 dias na Espanha (Barcelona, Ibiza e Formentera) fui para Croácia chegando por Zadar e voltando por Dubrovnik. O melhor é tentar já deixar um pouco planejado o roteiro pelo país antes de comprar as passagens, para fazer o possível para chegar por um destino e voltar por outro para economizar tempo e evitar trajetos desnecessários. Por exemplo Zadar e Dubrovnik são em lados totalmente opostos do país, para ir e voltar pela mesma cidade iríamos perder muito tempo.

 

 

Viajar para Europa no Verão é caro? É sim uma época cara para ir para Europa e foi difícil encontrar passagens baratas, estavam em torno de R$5.000 quando comecei a pesquisar.  Ainda mais que precisava que fosse um voo saindo sexta ou sábado e voltando em um domingo, para que eu conseguisse aproveitar o máximo de dias que eu tinha disponíveis de férias. Porém com paciência e persistência sempre é possível encontrar uma opção barata, depois de algumas semanas pesquisando encontrei passagens por R$2.300 pela Alitalia saindo do Rio de Janeiro. Apesar de não sair da minha cidade, Porto Alegre, ainda acabou sendo a opção mais barata.

Quanto eu paguei?

Voo ida e volta Rio de Janeiro – Barcelona (com escala em Roma): R$2.300 (É possível parcelar em até 10x) Companhia aérea: Alitalia
Voo Porto Alegre – Rio de Janeiro: Paguei apenas R$227,00 pela ida e a volta comprei sem nenhum custo. pois tinha pontos.  Mas os trechos ida e volta geralmente custam a partir de R$300,00 atualmente. Companhia aérea: Gol
Trechos Barcelona – Zadar: 67,00 (251,18) Companhia aérea: Vueling
Trechos  Zadar – Barcelona: 57,00 (213,69) Companhia aérea: Vueling

Os valores em Euro são da minha viagem em 2016. Os valores foram convertidos para Real considerando  a cotação atualizada de julho de 2017: 1= R$ 3,749

Como se locomover na croácia, alugar um carro ou ônibus?

Como a Croácia é um país pequeno, os trajetos entre as cidades são bem curtos em geral. Muitas pessoas optam por alugar um carro para se locomover entre as cidades, mas depois de analisar muito como seria nosso roteiro em cada cidade decidimos fazer todos trajetos de ônibus e foi quase perfeito. Praticamente não precisamos de carro em nenhuma das cidades, só em Hvar alugamos um ATV em um dos dias. Talvez para quem estiver viajando em um grupo maior possa acabar valendo a pena financeiramente, mas em questão de ser necessário para se locomover no dia a dia não achei nem um pouco necessário estar de carro.

Trajetos de ferry: Alguns trajetos tem que ser feitos de Ferry e para quem esta com carro acaba saindo bem mais caro e complicado, por exemplo em Hvar o local de saída para quem estiver de carro é do outro lado da ilha e para quem estiver sem carro é bem no centro onde quase todo mundo fica hospedado.

Atrasos: O único problema do nosso roteiro foi o atraso dos ônibus saindo de Zadar, que foi bem grande saindo para Novajla e para Split, em torno de 2 horas, e pelo que nos falaram lá isso é bem comum. A nossa ferry saindo de Hvar para Dubrovnik também atrasou bastante devido ao mal tempo e todo mundo ficou horas esperando na chuva e o local coberto para aguardar era bem pequeno.

Como comprar passagens de ônibus e Ferry? Comprei todas as passagens com antecedência pela internet com cartão de crédito, exceto a de Hvar-Bol que deixei para decidir o dia quando estivesse lá. Depois de comprar é só imprimir e apresentar na hora do embarque, pois elas já vem com o código de barras. Só as passagens da Ferry que não lembro bem se precisava passar no guichê da empresa antes, mas de qualquer maneira é sempre bom confirmar quando estiver lá para garantir. Para quem não puder comprar antes da viagem também é possível comprar na hora, porém no verão como o movimento de turistas é muito grande talvez não seja possível comprar para o dia e horário desejado.

Sites para compra de passagens:
Ônibus: Get By Bus (tem versão em português)
Ferry: Jadrolinija (não tem versão em Português, mas tem em inglês)

Todos os trajetos da minha viagem pela Croácia: Nas tabelas abaixo coloquei todos os trajetos do meu roteiro, com valores, horários e duração dos trajetos:

Como chegar na Croácia

Viajando na Croácia de ônibus

Onde se hospedar na croácia

A hospedagem na Croácia esta ficando cada vez mais cara no verão devido ao grande número de turistas, então se você estão planejando viajar para lá nessa época o melhor é reservar tudo o quanto antes. Fiz a maioria das reservas no começo de Abril para uma viagem realizada em Julho e já estava começando a lotar tudo, mas ainda consegui boas opções por um preço aceitável. Abaixo falo um pouco sobre os lugares em que me hospedei lá:

Novalja: Hostel Big Yellow House
Passamos 2 noites nesse hostel, a localização era perfeita, pois os ônibus para Zrce Beach saem em frente ao Hostel  e para ir para a rodoviária também. Para caminhar até a rodoviária era uns 15 minutos. Foi o que fez possível não precisar de carro lá.
Preço por noite para quarto  privado para 2 pessoas com banheiro compartilhado: HRK 500 Site: Big Yellow House

Split: Design Hostel Goli & Bosi
Passamos apenas 1 noite em Split, durante o trajeto entre Zadar e Hvar  e ficamos em um quarto compartilhado nesse hostel. A localização é boa, praticamente do lado dos principais pontos turísticos, além disso  conseguimos caminhar da rodoviária até hostel e depois de lá até o local de saída da Ferry para Hvar.
Preço por noite por pessoa para quarto compartilhado: R$130,00 (pagamos já em reais pelo Hoteis.com) Link: Hoteis.com

Hvar: Apartaments Antoana
Ficamos 3 noites em um dos apartamentos e simplesmente amamos! A localização em si não é tão perfeita, porque são uns 15 minutos de caminhada até o centro, mas o apartamento é muito bom e completo. Mas a melhor parte são os donos, que são extremamente atenciosos. Nos buscaram no centro quando chegamos e depois levaram nossas malas até o centro no final do dia quando estávamos indo embora para não precisarmos voltar até lá depois do check out. Além disso nos esperaram na chegada com um suco de laranja gelado e ar condicionado ligado, para o calor infernal que estava quando chegamos, foi perfeito! Também nos mostraram um mapa explicando tudo sobre a ilha e ficaram a disposição para qualquer coisa que que fosse necessário. Recomendo muito!
Preço por noite em apartamento para 2 pessoas: €65 Reservas: Booking

Dubrovnik: Pousada Villa Gloria
Acho que a melhor opção é ficar hospedado dentro da Old Town, que é onde tudo acontece, mas como os preços estávamos muito altos acabamos optando por nos hospedar em outro local, que fosse o mais perto possível de lá. Então ficamos 1 noite nessa pousada. A localização é boa, bem perto da Old Town (até da para ver do Hostel) e praticamente ao lado da entrada do Cable Car, então pudemos fazer tudo caminhando. O ônibus para o aeroporto sai do lado da pousada, então foi ótimo na hora de ir embora também, só buscar as mochilas na pousada no final do dia e pegar o ônibus. Apenas na chegada tivemos que pegar um táxi do porto até a pousada, porque era noite e não era muito perto. A entrada da pousada é um pouco complicada de achar, no endereço indicado temos que descer algumas escadas e sair procurando o local certo para entrar.
Preço por noite para quarto privado para 2 pessoas: € 74    Link: Booking

Hvar Croácia

Se você tem mais alguma dúvida, sugestão ou apenas gostou do post, deixe seus comentários abaixo! Para receber mais dicas de viagem ou um aviso quando os próximos forem liberados curta a página do blog no Facebook ou se cadastre para receber os posts por e-mail. Para fotos de viagem siga nosso perfil no Instagram: planejando.viagens.

 

2 comentários sobre “Croácia: Roteiro de 8 dias, transportes, onde se hospedar e muito mais!

  1. Bárbara Resende disse:

    Oi querida. Parabéns pela organização. Queremos ir para a Croácia em julho de 2019. No total de 12 dias com 10 em terra. Precisamos fazer algo não muito caro. Iremos eu, meu marido e meu filho de 12 anos.
    Por onde entramos com embarque do Brasil ou Itália? Quantos dias indica em cada lugar para perfil praia?

    • Camila Trindade disse:

      Oi Bárbara, muito obrigada! 😀 Provavelmente vai ser difícil encontrar voos baratos saindo do Brasil para a Croácia, ainda mais em julho. Acho que a melhor opção seria comprar um voo até a Itália e de lá ir para a Croácia. Eu entrei na Croácia por Zadar e sai por Dubrovnik, mas acho que a cidade de entrada vai depender dos preços dos voos para as suas datas e do seu roteiro. Considerando os lugares que visitei eu recomendaria todos menos Novalja, que é mais focado em festas. Então ficaria: Zadar (1 dia), Lagos Plitvice (1 dia), Split (1 ou 2 dias), Hvar (3 ou 4 dias, tendo a opção de bate e volta de 1 dia para Bol) e Dubrovnik (1 dia ou mais se for fazer passeios). Mas acho que a questão dos dias depende muito do ritmo de viagem de cada um, talvez ficar apenas 1 dia em alguns lugares acabe ficando meio corrido para quem esta viajando em família, então é bom avaliar o que seria mais importante para vocês. Não cheguei a conhecer outros lugares na Croácia por falta de tempo, mas tem vários outros lugares incríveis lá também!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *